sábado, 13 de fevereiro de 2010

Que país é este?

Já dizia a letra da música da banda Legião urbana [Que país é este]desde cedo aprendemos a virtude de ser honesto,e que na teoria pessoas desonestas seriam punidas com prisão.
Mais pessoas honestas estão ficando em extinção a cada dia que passa,pois o que nós e nossos filhos assistimos na TV e até no dia a dia são exemplos degradantes de desonestidade,e impunidade que infelizmente nos fazem refletir ,até quando ser honesto vale a pena?
Nos deparamos todos os dias com um Brasil lindo pela sua natureza,lindo pelo seu povo trabalhador,mais também nos deparamos com um país corrupto,e injusto ,com uma parte de eleitores ignorantes e egoístas,que em época de eleição troca seu voto por uma cesta básica,por uma camiseta,ou por promessas impossíveis,elegendo políticos corruptos,com uma fixa de trapaças e desvios,mais mesmo assim recebe o voto daqueles maus informados,ou também corruptos que se identificam com eles.
Nos deparamos com um país que não é governado por um presidente ,mais sim por um partido político,e por seus aliados,aonde os ministros,e cargos de confianças não são escolhidos pelas suas competências mais sim pelas suas siglas partidárias,Aonde nosso presidente faz inúmeras trocas de favores para burlar CPI,adiar ou anular votações,impor através de partidos aliados a presidência do senado,ou congresso .
Mais tudo isto na frente de nossos olhos como se fossemos idiotas,incapaz de discernir o certo do errado,e pior dificilmente conseguimos ver o desfecho de uma CPI,dar resultado satisfatório a opinião pública,pois como já se sabe tudo acaba em pizza.
Qual politico está preso?qual politico devolveu todo dinheiro roubado?
Mais se um cidadão roubar uma galinha,e for preso em flagrante será preso e terá que pagar a galinha,nada que justifique o roubo,mais da para comparar a diferença do crime?
Centenas de políticos,e empresários sonegam impostos todos os dias,sonegam o imposto de renda,corrompem instituições do governo,e estão aí,mais o principal foco está na fronteira com o paraguaí.
Concordo em parte,com o governo ao restringi algumas mercadorias serem trazidas do Paraguai,mais o que não concordo é que tratem sacoleiros como marginais,pois o que eles fazem trazendo mercadorias é simplesmente tentar sobreviver em um país injusto com cidadãos trabalhadores,aonde os impostos sobre mercadorias Brasileiras são extremamente altos e injustos,enfraquecendo o comercio interno dia após dia.
Alguém duvida que se nós pagássemos impostos justos,uma pessoas deixaria sua cidade para viajar centenas de quilômetros,correr o risco de ser assaltado,de perder tudo,de comprar produto pirata só para fazer um passeio no exterior ,ou só para dizer que o produto era importado?Claro que não! Eu não fumo,mais se o governo quisesse acabar com o contrabando de cigarro do Paraguai,era só baixar os impostos do cigarro,e quem deixaria de fumar um cigarro brasileiro para fumar um paraguaio pelo mesmo preço,ou pouco mais caro.
Poderia citar centenas de fatos injustos que acontecem no nosso país,mais é triste dizer que de que adianta chorar,se nas próximas eleições averá eleitores elegendo os mesmos corruptos,sem se preocupar de olharem suas fichas de corrupções,e assim continuaremos a cantar e nos perguntar;[que país é este]!

Nenhum comentário: